Clique e abra o DM de hoje

contador de acesso
contador de acesso

            Visitas ao Site

Pelotas no Satélite

Clique e confira

O site do jornalista A.B.Silveira - Contato: abesilveira@hotmail.com


Poucas & Bas

Roland Kent Lavole

Lobo (Roland Kent Lavoie, 31 de Julho de 1943) é um cantor e compositor estadunidense que alcançou enorme sucesso no início dos anos 70, atingindo o topo das paradas com "Me and You and a Dog Named Boo", "I'd Love You to Want Me" e "Don't Expect Me To Be Your Friend".

I’d Love You to Want Me

VEREADOR  DO PMDB TRANSFORMA ASSOCIAÇÃO DOS APOSENTADOS EM FEUDO FAMILIAR

   Vereador Salvador Ribeiro, que comanda a Associação dos Aposentados de Pelotas e muito se beneficia politicamente da entidade e de seus associados, corre o sério risco de perder toda esta influência caso insista em não passar o cargo para o seu vice durante o periodo em que estiver em campanha para mais um mandato ao Legislativo local.

   Totalmente avesso ao processo democrático, Salvador Ribeiro não estaria disposto a passar o cargo para o vice, preferindo entregá-lo para a sua esposa, que já exerce grande influência dentro da associação na rua Almirante Barroso e até abriu uma cafeteria na frente, de oilho no que os aposentados podem deixar de lucro.

     A tentativa de reeleição será mais um teste para o vereador, que faz questão de alardear que sua associação tem cerca de 15 mil associados mas o resultado da última eleição deixa muitas dúvidas quanto ao seu prestígio  já que obteve pouco mais de 2 mil votos.

      Aqora está sendo aguardado o seu pedido de afastamento até a eleição e sua substituição pelo vice e caso se confirme seu interesse em passar o cargo apenas para a sua esposa,corre o sério risco de ter suas pretensões de continuismo derrubadas na Justiça.

   

    A Operação Lava Jato é um exemplo para o Brasil, apesar da contrariedade dos interessados lesivos, e deveria ser feita em todo o Brasil. Está mais do que na hora da Procuradoria Geral de Justiça do RS montar uma equipe e ancorar aqui em Pelotas para investigar os descalabros dos dois principais poderes, onde a sacanagem corre frouxa e o dinheiro público está engordando cada vez mais as contas de algumas figuras nefastas que hoje agem impunemente e até acham graça do que ocorre em âmbito nacional com políticos e empresários.Por isso estamos encaminhando uma relação de fatos ao Dr.Marcelo Lemos Dornelles para que mande uma equipe do MP para Pelotas, sem qualquer tipo de vínculo com a cidade para uma grande investigação. Se isto acontecer, a SUSEPE vai ter que aumentar o número de vagas no Presídio Regional.Seria uma espécie de Operação Vaporeto, para não plagiar a Lava Jato. Tudo indica que o recreio está terminando.O que não falta por aqui são sacanas que acreditam até em direito adquirido por todos os atropelos legais que cometem a cada dia em suas respectivas áreas de atuação.


PELOTAS PRECISA DE UM FAXINÃO URGENTE

        No ano de 2006 o tratorista Deoclides, que trabalhava na fazenda do ex-prefeito Fetter Júnior, morreu em condições adversas naquela propriedade e desde então a família da vítima tem comido o pão que o Diabo amassou. Durante muito tempo o conhecido político e fazendeiro fez de tudo para passar a perna na família para não pagar a devida indenização e já se utilizou de todos os expedientes jurídicos. O problema é que agora está iniciando a sua execução para pagar cerca de R$ 1,3 milhões e não existe outra saída. Mesmo já tendo entrado em execução, Fetter Júnior faz de tudo para não pagar o que deve aos familiares da vítima, chegando a contratar um desembargador apresentado para defendê-lo.A família de Deoclides tem como defensor o advogado Dutra Neves.Será que o ex-prefeito ainda acha que pode sair desta situação gravíssima, sem pagar o que deve?

INDENIZAÇÃO PELA MORTE DE TRATORISTA VAI CUSTAR MAIS DE R$ 1 MILHÃO AO EX-PREFEITO FETTER JÚNIOR

BAH! - Em entrevista ao Jornal Estado de São Paulo na sexta-feira, o ex-deputado Roberto Jefferson, de 62 anos, dispara que Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o presidente da Câmara, é o "bandido" que ele diz mais gostar, pois "foi o adversário mais à altura do Lula", que "nunca esperou encontrar um bandido da mesma qualidade moral, intelectual que ele".Faz sentido vindo de quem desmontou o Mensalão do PT.

      Os procuradores da República Max Palombo e André Casagrande Raupp apresentaram denúncias à Justiça Federal, nas áreas cível e criminal contra o ex-prefeito Fetter Júnior, a secretária municipal de Saúde, Arita Bergmann, o ex-procurador geral do município, Saad Amin Salim, o ex-secretário municipal de Saúde, Francisco Isaias e o proprietário da empresa GSH Gestão e Tecnologia em Saúde Ltda. por atos de improbidade administrativa com bloqueio de bens e restituição de valores ao erário e por dispensar, ou não exigir licitação, fora das hipóteses previstas na lei.

    Contratada para implantar o sistema informatizado de regulação assistencial de saúde em Pelotas e depois no Estado, a empresa Aghos faturou cerca de R$ 30 milhões sem passar por processos licitatórios, como constatado pelos auditores do Tribunal de Contas do RS. No período em questão, Arita Bergmann era secretária estadual de Saúde, vindo a assumir a pasta em Pelotas, em 2011.

     Ao encaminhar cópia das ações cível e criminal ao vereador Ricardo Santos (PCdoB), o procurador Max Palombo afirma que os procedimentos são “resultado do trabalho iniciado naquela comissão de inquérito”. A Comissão a que se refere o procurador foi instalada em 2013, no Legislativo pelotense, tendo como relator o vereador Ricardo Santos, para investigar irregularidades na saúde pública em Pelotas. A CPI foi presidida pelo vereador Marcos Ferreira (PT).

    Em seu relatório final, a CPI concluiu pelo pedido de indiciamento, para inquérito criminal e cível, do ex-prefeito Fetter Júnior, da secretária Arita Bergmann, que detém o cargo desde 2011, do ex-secretário de Saúde, Francisco Izaías, e de Rudinei Dias Moreira, em razão de possíveis crimes licitatórios, prevaricação e improbidade administrativa na aquisição do software AGHOS e contratos de prestação de serviços.

    As decisões dos procuradores federais também se basearam em relatório da auditoria do Tribunal de Contas do Estado, sobre as contratações do sistema Aghos pela Prefeitura de Pelotas e pela Secretaria Estadual da Saúde, consideradas irregulares por falta de licitação, exorbitância de valores gastos e ineficiência do sistema. O Tribunal realizou inspeções no sistema Aghos desde a contratação pela Prefeitura de Pelotas no ano de 2008 até a renovação do contrato em 2012, e pela Secretaria do Estado, desde 2009 até 2013.(Texto: Teresa Cunha(Assessoria Câmara Municipal). Clique e abra os documentos nos links:

    Alívio – “Me sinto aliviado com as decisões dos procuradores da República”, afirma o vereador Ricardo Santos. “Tanto eu quanto a equipe do meu gabinete sofremos até ameaças físicas durante o processo de investigação, mas o número de denúncias recebidas por pacientes e profissionais da área da saúde nos fez prosseguir”, conta. “Vivemos num país que não acredita em CPIs, e hoje o Ministério Público Federal está dando a resposta, em nome da população”.

    A CPI reuniu 12.800 páginas de documentos e o relatório final ocupou 280 páginas. “Se não fosse o trabalho de toda a equipe da Câmara, não teríamos conseguido”.




FETTER JÚNIOR E MAIS QUATRO INTEGRANTES DO SEU GOVERNO DENUNCIADOS POR IMPROBIDADE PELO MENISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL

Ação Civel de Improbidade do MPF

Denúncia encaminhada ao Judiciário

EDIÇÃO HSTÓRICA DO POUCAS & BOAS

    A edição de nº 82 de maio de 2009 foi uma das mais importantes desde a criação deste pequeno e modesto jornal, criado para veicular fatos que são ignorados todos os dias pela mídia tradicional em função dos contratos publicitários que custeiam a informação oficial.

  Os desmandos da dinastia Chemello & Cunha chega ram a um limite insustentável, levando a Universidade Católica a passos largos para a inviabilização.

  Isto nos levou a produzir uma edição especial com 10.000 exemplares para que esta cidade tomasse conhecimento de todos os absurdos que ocorriam no seio daquela instituição e ninguém melhor do que o ex-reitor Teófilo Galvão(foto) para escancarar a podridão escamoteada pela Igreja Católica local, que viria a contribuir para a queda do grupo que só tirou vantagens da UCPel por mais de quarenta anos, além da troca de bispo.

    Teófilo Galvão abriu o coração e falou tudo isto que estarreceu a cidade.Clique no link abaixo e relembre.


Teófilo Galvão é lembrado até hoje como o salvador da UCPel.

EDIÇÃO 82 DE MAIO DE 2009

Ressarcimento ao s cofres públicos  será de mais de R$ 3 milhões